2008/02/11

Os Cegos Também Amam


O amor nos homens é uma figura inconstante. Ao longo da vida chega a ser engraçado ver o que se perdeu e o que se esqueceu. Ou o que ainda está presente, apesar de perdido. Os cegos que se apaixonam, apesar da fraqueza ocasionada pela visão que não possuem, não conhecem a mágoa daqueles que aterram nos seus olhos, não conhecem os olhares demorados de despedida nem conhecem o brilho do sol quando este sorri.

Apesar de tudo, não quero ser cego. Ninguém apaga a cor da luz que vi e que vivia nos teus olhos. Mesmo que permaneça acordado num colchão de espinhos.

4 comentários:

hothotheart disse...

estas a entrar no verdadeiro espirito d s. valentim

Kraak disse...

Hothotheart :) HAHA! NOT! Muito amor ao longo da vida, sim, mas nunca nesse mood São Valentim, LOL.

Bjzz sim Valentim

isabel mendes ferreira disse...

beijo.



a ver.


a sentir.


as tuas palavras.

Kraak disse...

Isabel Mendes Ferreira :) Também para ti. Com os olhos bem abertos. A ver. Sem vendas nos olhos.

Bjzz retribuídos