2007/01/25

Um Momento


Invento um pequeno comboio, a vapor, diesel ou eléctrico, um comboio que passa pelas esquinas deste lugar, quer seja dia quer seja noite. Neste comboio volto para casa a pensar que ele me transporta para uma nova vida. Uma nova vida feita de pequenos e grandes momentos. Aqui, ali, além, acolá. Nele percorrer as estações do ano, decidir, analisar, conseguir. Permanecer com amor.

Será que a vida é apenas um momento?

4 comentários:

maria disse...

Ou muitos momentos... ligados como um comboiinho de coisas boas, assim-assim, que fazem doer, que sabem bem, que são tristes, que depois se percebem caricatas, que são alegres, que nos deixam felizes... assim mesmo, seguidinhas, umas atrás das outras, em fila ou encaracoladas. A vida? pois, como um comboiinho de momentos! :)

gaZpar disse...

Acho que anda um "momento" de introspectividade na tua vida.
Espero que saiam coisas positivas disso. ;)
hugzzz do interior

Kraak/Peixinho disse...

Maria :) Mas é mesmo assim, naum? O que seria um comboio de vidas se naum fosse feito de todos esses momentos? Mágoas que se transformam em alegrias, tristezas que se transformam em sorrisos, mesmo que com lágrimas? O único problema é quando uma carruagem se desengata do comboio... Mas, isto é apenas um momento. Momento quando perdemos coisas que sabemos que naum iremos recuperar. Ou partes. :)

Bjzz felizes

Kraak/Peixinho disse...

GaZpar :) A minha vida é quase sempre feita por momentos introspectivos. Acho que só assim consigo viver :)

Obrigado, priminho! :)

Hugzz exógenos