2006/05/01

Mostra-me o caminho


Sem te aperceberes, cheiraste mais que uma vez e pensaste: "mas porquê raio está ele a dar-me isto?". O motivo? Só me fez lembrar os vários dias de primavera, quando outrora, da minha cortina, te via ao longe, a tomar conhecimento com o que no chão havia. "Com certeza, ele deve ter as suas razões...", pensaste.

Vou para a cama, mas não tenho sono. O silêncio incomoda-me, apesar do ruído da tua respiração. Transparente nos meus sentidos, ligo a aparelhagem. Mínimo volume. O som do bom senso que me faz uma vez mais viajar até a Paciência para conhecer as suas fortalezas. Tapetes e lençóis que se tocam, que se entranham e que se sujam. Nódoas que não desaparecem num prado onde todos podem entrar.


- Por favor, dê-me 2 bilhetes para Horizonte, via Amoreira.

6 comentários:

Fred disse...

Graaaande Peixinho!!!
Seu blog continua excelente!!!
Saudações brazucas!!! :)

oalcoviteiro disse...

pudesse eu K'mrd. Abraços que nem animo há para huggzzs.

Kraak/Peixinho disse...

Fred :) Obrigado! Já há muito tempo que naum passavas por cá!

Hugzz lusos

Kraak/Peixinho disse...

Oalcoviteiro :) Então, Kompañeiro? Andas desanimado? Vai um abracito?

Hugzz Animados

Sereno disse...

ohhhh peixinho!!!
estou em Portugal para ficar!
queria ter ja estado ctg, mas aconteceram umas coisitas...
manda mail com o teu contacto, sim?

que saudades


kiss kiss bang bang

[*]

Kraak/Peixinho disse...

Sereno :) WEEE! É desta que vamos dançar?

Bjzz de regresso