2007/02/15

Terapia


Nos últimos dias tenho andado a sentir vários helicópteros a sobrevoarem a minha cabeça. Pensei em ir ver o mar, como habitualmente, mas hoje achei que o melhor seria atenuar os atormentos com momentos de terra.

Gostaria por vezes de ter a energia de um helicóptero para poder descolar em posição vertical. Subir para além da atmosfera e de repente deixar de ter noção do resto. PUFFF!


Qual mar energético, qual atmosfera, qual ramo de salsa. Nada como apanhar um pouco de vento nas trombas e deixar de pensar que um dia os planetas irão colidir.

4 comentários:

sea disse...

que colidam e caiam no mar.
descansando, para sempre, nas profundezas das águas que em abismo se tornam.

beijos terapêuticos

Kraak/Peixinho disse...

Sea :) Deixar que os planetas colidam e em seguida deixar que os mesmos sejam empurrados para o abismo... mesmo que lá abaixo haja uma pista de dança...

Bjzz pacíficos

gaZpar disse...

Olha... deves ter andado na mesma escola que eu. ;)
O vento nas trombas é das minhas terapias favoritas. Leva ideias más com ele, acorda, clarifica a mente e relaxa. ;)
hugzzz sem vento mas igualmente terapeuticos

Kraak/Peixinho disse...

GaZpar :) Eu sabia que tu me compreenderias... As ideias más que bazem mas é e que o ar fresco traga pureza para a mente!

Espero que estejas melhor! :)

Hugzz ventosos